Avião de carga pega fogo em aeroporto

A semana do comércio exterior continua sendo “eita atrás de eita” e, para exemplificar isso, um avião de carga pega fogo em aeroporto. A companhia Ethiopian Airline, nesta quarta-feira, 22/07, passou por um momento perigoso e de tensão dentro do aeroporto Pudong, em Xangai – China. O fato ocorrido não deixou vítimas e as investigações para compreender a razão e início do incêndio foram abertas.

Imagem: Reprodução

Avião de carga pega fogo em aeroporto: o que se sabe sobre o incêndio do Boeing 777 F60

O avião em questão é do modelo Boeing 777 F60, que tem como característica o transporte de cargas, e tem o registro ET-ARH. Segundo o Flightradar, a aeronave saiu de Bruxelas, Bélgica, ontem (21) e aterrissou uma hora depois em Xangai. Abaixo, entenda o trajeto:

Imagem: Ilustração de trajeto do Boeing 777 F60, da companhia Ethiopian Airline.

Embora o avião estivesse se preparando para realizar uma nova rota, não há nenhum ferido. Em um vídeo que circula pelas redes sociais, é possível perceber a fumaça cinza e o incêndio na traseira da fuselagem. Confira a reprodução no gif abaixo:

Imagem: Reprodução.

Em um comunicado oficial, a companhia aérea afirma que está colaborando com as investigações e que o incêndio foi contido.

“O avião cargueiro Ethiopian Airlines B777 com número de registro ET-ARH pegou fogo enquanto carregava carga no aeroporto de Pudong Shanghai hoje, 22 de julho de 2020. A aeronave estava em um serviço de carga regular programado de Xangai para São Paulo-Santiago via Addis Abeba. Todo o pessoal de terra e tripulação de vôo estão seguros.

A Etiópia colaborou com todas as autoridades envolvidas e conteve o incêndio.

A causa do incidente está sob investigação pelas autoridades competentes.”, revela nota oficial.

Até o momento, não há respostas sobre o que provocou o incêndio e como aconteceu, vide que a fase de coleta de provas será iniciada; internautas levantam suposições de possíveis causas, porém, ainda não se sabe ao certo a origem da combustão.

Sobre a Ethiopian Airline

A empresa é uma das companhias aéreas que mais tem ganhado espaço na África. A organização opera para 120 destinos internacionais, em cinco continentes. Dentre seus maiores trabalhos, estão as exportações e importações do continente Africano. Seus aviões são modernos e ecológicos, sendo contemplados pelos modelos Airbus A350, Boeing 787, Boeing 777-300ER, Boeing 777-200LR, Boeing 777-200 Cargueiro e Bombardier Q-400. 

Ethiopian Airline retomava voos regulares

Em 8 de julho de 2020, a companhia aérea anunciou que retomaria as operações para Dubai, uma vez que foi concluído o fim do lockdown da cidade. Em seguida, no dia 17, o país africano Djibuti seguiu os mesmos passos, para a alegria da empresa. Em virtude do novo coronavírus, a Ethiopian Airline estava com algumas restrições em seus destinos, porém, está voltando ao normal aos poucos; os voos regulares estão ganhando cada vez mais rotas e a organização afirma que mantém todos os cuidados necessários contra o COVID-19 e estão se mantendo informados sobre as atuais circunstâncias.

E aí, gostou deste artigo? Então, inscreva-se no nosso blog e fique por dentro das novidades de Exportação, Importação e Drawback😉

Resumo

Sinara Bueno

Despachante Aduaneira, formada em Comércio Exterior e empreendedora. Apaixonada por criar e inovar no Comex! Trabalhou na área de importação e exportação de indústrias, consultorias de comércio exterior e, nos últimos anos, tem se dedicado aos sistemas para comex.

Conheça as 7 novidades do Novo Processo de Importação