Saiba mais sobre a exportação de couro

Quase todo o couro produzido no Brasil é vendido para o exterior. O couro é a pele curtida de animais, utilizado como material nobre para a confecção de diversos artefatos para o uso humano, tais como: sapatos, cintos, carteiras, bolsas e bolas de determinados esportes como basquete, entre outros. 

Vamos agora ver como foram os dados de exportação, vem comigo 😉

couro

Exportações de Couro

As exportações de couro em 2019 foram bastante inferiores se comparadas aos anos anteriores. Foram exportadas 476 mil toneladas do produto, gerando assim uma receita de US$ 1,16 bilhão, valor este inferior ao do ano de 2018, quando foram gerados US$ 1,44 bilhão, queda de aproximadamente 20%.

Por períodos, 2019 supera o ano anterior quando falamos dos meses janeiro, fevereiro e março, quando foram exportados no ano de 2019 US$ 327 milhões, já no nosso ano atual (2020), até o momento foram exportados US$ 276 milhões, queda de US$ 22 milhões.

Principais Destinos das Exportações de Couro Brasileiro

A seguir confira, os 10 principais destinos do Couro Brasileiro no ano de 2019. Vamos descobrir para onde o Brasil exporta Couro. 

 Principais destinosValor FOB
China290 milhões
Estados Unidos199 milhões
Itália196 milhões
Vietnã63,4 milhões
Alemanha61,4 milhões
Hong Kong55,4 milhões
México41,5 milhões
Tailândia35,1 milhões
Taiwan (Formosa)24,4 milhões
10ºÍndia20,7 milhões

Fonte: ComexStat

O principal destino que aparece na nossa tabela é a China, por ser um dos países que mais utiliza o Couro, as exportações para o país também acabam sendo altas.

Os Estados Unidos é o segundo país para onde vai maior quantidade do Couro, aparece em nossa tabela também, países como: Itália, Alemanha, Índia, entre outros.

Os principais estados produtores do couro em 2019 foram: Rio Grande do Sul, São Paulo e Goiás.

Breve história do Couro

Vestimentas feitas em couro são as mais antigas da história, foram usadas nos primórdios da civilização quando a população ainda era nômade e as casas não cumpriam seu papel. Mais tarde, na Idade Média, mercadores inventaram maneiras mais práticas para curtir a pele dos animais para torná-la macia e maleável. Como consequência disso foram criados acessórios como luvas e sapatos e, com isso, ficaram muito mais elegantes e desejáveis. Aos poucos foi entrando no mercado da moda.

Anos depois, os pilotos da I e II Guerra tornaram-se heróis em suas jaquetas de couro forradas com pele de animais. A peça acabou ganhando visibilidade e começou a ser usada também por motociclistas e motoristas e, com isso, passou a ser associada à viagens de aventura e alta velocidade. Ela se tornou símbolo da era moderna.

Os dados de 2021 no Comércio Exterior

No ano de 2021, até o mês de Novembro, o Brasil totalizou um valor corrente de negociações no comércio exterior de US$ Milhões 454.996,8. 

Sendo US$ Milhões 256.028,3 de exportações, e US$ Milhões 198.968,5. Gerando um superávit de US$ Milhões 57.059,8.

O produto mais importado no ano de 2021 foi o “Adubos ou Fertilizantes Químicos”.

Quanto ao produto mais exportado no ano foi  “Minério de Ferro e seus concentrados” conforme dados do ComexStat.

E aí, gostou deste artigo? Então se inscreva no nosso blog e fique por dentro de mais notícias sobre exportação, importação e drawback. 😉

Sinara Bueno
Sinara Bueno

Despachante Aduaneira, formada em Comércio Exterior e empreendedora. Apaixonada por criar e inovar no Comex! Trabalhou na área de importação e exportação de indústrias, consultorias de comércio exterior e, nos últimos anos, tem se dedicado aos sistemas para comex. É co-founder da Fazcomex