IMPORTAÇÕES DA LITUÂNIA | 10 itens mais comprados

Neste artigo vamos falar sobre as Importações da Lituânia. Além de conhecer todos os detalhes a respeito das vendas de produtos brasileiros para o país europeu, confira também a relação da balança comercial entre o país e o Brasil, bem como a sua economia local.

A República da Lituânia é uma das três repúblicas bálticas. Limita ao norte com a Letônia, Bielorrússia, Polônia, o exclave russo de Kaliningrado e com o mar Báltico. Sua capital é a cidade de Vilnius, no leste do país.

Quer conhecer mais sobre as Importações brasileiras da Lituânia? Então pegue o seu café e venha comigo. 😉

Importações da Lituânia: principais produtos

Segundo levantamentos realizados pelo Comex Sat, em 2020, os principais produtos brasileiros importados da Lituânia foram:

  Produtos importados da Lituânia Valor FOB US$
Adubos ou fertilizantes ☑️ 12,1 Milhões
Equipamentos de telecomunicações ☑️ 2,82 Milhões
Preparações e cereais, de farinha ☑️ 1,98 milhão
Outras máquinas e equipamentos especializados ☑️ 1,89 milhão
Equipamento para distribuição de energia elétrica ☑️ 1,59 milhão
Demais produtos – Indústria de Transformação ☑️ 1,45 milhão
Obras de ferro ou aço ☑️ 1,34 milhão
Poliacetais, outros poliéteres e resinas ☑️ 1,15 milhão
Aparelhos elétricos para ligação ☑️ 1,08 milhão
10º Álcoois, fenóis ☑️ 961 mil

Fonte: ComexStat — Dados do Ano de 2020.

Com relação aos principais produtos importados da Lituânia para o Brasil, a Indústria de Transformação sai na frente, seguido da categoria de Outros Produtos.

Confira na imagem abaixo a relação completa dos produtos mais importados da Lituânia:

Importações da Lituânia: produtos

É um dos países-membros da União Europeia. A Lituânia é atualmente um país desenvolvido, possuindo bons indicadores sociais, refletindo no fato do país possuir o 35° mais alto Índice de Desenvolvimento Humano. É o 41° maior PIB PPC per capita entre os países do mundo segundo dados do Banco Mundial.

Balança comercial entre Lituânia e Brasil

Até abril de 2021, o Brasil aponta um Déficit de US$ – 15,5 milhões, isso significa que foram importados mais produtos da Lituânia do que exportados para o país. Entretanto, o país ocupa atualmente o 81º lugar no ranking de importações.

Já no ranking das exportações, a Lituânia está no 127º lugar dos países que mais comprar produtos brasileiros.

Só para exemplificar, em 2020 a Balança Comercial entre os dois países nos apresentou, um Déficit de US$ – 6,1 milhões, valor relativamente baixo se comparado com outros países da Europa. Embora ainda tenha um importante campo a ser explorado nas relações do Comex.

Escrevemos um texto abordando a Exportação no Brasil, nele você irá conhecer os principais produtos comercializados com outros países.

Importantes mercados de destino foram responsáveis pelo aumento do volume total exportado, entretanto algumas regiões diminuíram no número de exportações, destacando-se as diminuições do volume exportado para a Europa (-7,3 %).

👉 Confira também nosso artigo sobre as Exportações para a Lituânia!

Veja agora os dados completos da balança comercial de 2020 entre a Lituânia e o Brasil conforme imagem abaixo:

Importações da Lituânia: balança comercial

Importações da Lituânia: economia do país

Nos últimos anos a Lituânia passou a direcionar a maior parte de seu comércio para o Ocidente, ingressando também na OMC.

Apesar do crescimento económico do país, muitos vivem ainda numa pobreza abjeta, e a situação não parece melhorar. Segundo o Departamento de Estado dos EUA, o salário mínimo mensal na Lituânia era equivalente, aproximadamente, a 300€.

O valor do PIB do país europeu está estimado em US$ 96,910 bilhões. Seu IDH é 0,882; o que é considerado muito alto.

Localização geográfica do país

A área total do território da Lituânia é de 65 200 Km². Sendo a maior e a mais populosa República Báltica, a Lituânia é um país com pequena costa arenosa de aproximadamente 100 km. Desses, apenas 40 km são abertos ao mar Báltico. 

O rio Nemunas e alguns de seus afluentes são usados para a navegação fluvial. Para ilustrar, confira na imagem a seguir o mapa da Lituânia:

Mapa da região

De fato, a Lituânia tem um grande potencial a ser explorado no comércio exterior brasileiro.

Confira também os artigos sobre os Principais Produtos Importados no Brasil e os Principais Portos da Europa.

Por fim, separamos alguns artigos que falam das importações brasileiras para outros países.

Conheça nossos outros textos sobre importações, são eles:

E aí, gostou deste artigo? Então se inscreva no nosso blog e fique por dentro de mais notícias sobre exportação, importação e drawback. 😉

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Resumo

Quais os principais produtos importados da Lituânia?

Adubos ou fertilizantes, equipamentos de telecomunicações, preparações e cereais, de farinha, outras máquinas e equipamentos especializados, equipamento para distribuição de energia elétrica, demais produtos - Indústria de Transformação, obras de ferro ou aço, poliacetais, outros poliéteres e resinas, aparelhos elétricos para ligação e álcoois, fenóis.

Qual a área total da Lituânia?

A área total do território da Lituânia é de 65 200 Km².

Qual o valor da balança comercial entre a Lituânia e o Brasil?

Em 2020 a Balança Comercial entre os dois países nos apresentou, um Déficit de US$ - 6,1 milhões.

Sinara Bueno

Despachante Aduaneira, formada em Comércio Exterior e empreendedora. Apaixonada por criar e inovar no Comex! Trabalhou na área de importação e exportação de indústrias, consultorias de comércio exterior e, nos últimos anos, tem se dedicado aos sistemas para comex. É co-founder da Fazcomex Tecnologia para comércio exterior.

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade. Conheça nosso Portal da Privacidade e veja a nossa nova Política.