Importações de Bangladesh

Já abordamos aqui as exportações brasileiras para Bangladesh, e no artigo de hoje iremos falar sobre as importações de Bangladesh. O país é conhecido pelas suas indústrias de tecidos, Bangladesh é um país pequeno em território (menor que o Uruguai), mas sua população é enorme, uma das maiores aglomerações de pessoas no mundo. As importações vindas de Bangladesh para o Brasil, são em sua maioria roupas e demais tecidos. Vamos agora ver mais sobre o tema.

Importações de Bangladesh: Saiba mais

As importações vindas de Bangladesh deixam o país como 58º colocado como país de onde o Brasil importa produtos, tendo participação de 0,1%. Bangladesh se destaca pelas suas empresas de produção de tecidos e roupas, fazendo com que as importações dos mesmos seja bastante alta.

No ano de 2019 o Brasil desembolsou US$ 180 milhões comprando produtos de Bangladesh, número este menor que o de 2018 quando haviam sido importados US$ 213 milhões. Até maio de 2020 já foram importados em valores, cerca de US$ 68,2 milhões.

O que o Brasil importa da Itália

Confira os 8 principais produtos que o Brasil importou no ano de 2019 de Bangladesh:

Principais produtos importados % Valor FOB US$
Vestuário, de tecidos têxteis, mesmo de malha 33 59 milhões
Casacos masculinos ou infantis, capas, jaquetas, etc,exceto de malha 30 54,6 milhões
Casacos femininos e infantis, capas, jaquetas, ternos, etc, exceto de malha 11 20,1 milhões
Casacos femininos e infantis, capas, jaquetas, etc, incluindo malha 8,4 15,1 milhões
Casacos masculinos e infantis, capas, jaquetas, etc, incluindo malha 6,3 11,3 milhões
Demais produtos – Indústria de Transformação 4,3 7,82 milhões
Juta e outras fibras têxteis liberianas em bruto 3,6 6,54 milhões
Fios têxteis 2,8 5,11 milhões

Fonte: ComexStat

Como podemos ver as roupas para vestuário são os principais produtos que o Brasil importa de Bangladesh, casacos tanto femininos quanto masculinos se destacam de uma forma mais expressiva.

Balança comercial Brasil x Bangladesh

A Balança comercial entre os dois países nos apresentou no ano de 2019 um superávit bastante alto de US$ 1,14 bilhão, ou seja, foram exportados mais produtos para Bangladesh do que importados do mesmo.

Confira imagem:

Curiosidades de Bangladesh

  • A palavra Bangladesh significa “povo de Bengala” na língua local de Bangla. O nome oficial do país é República Popular do Bangladesh.
  • Bangladesh está localizado no delta do Ganges, em terras muito baixas. Isso provoca inundações e deslizamentos de terra durante as chuvas de monção e ciclones.
  • Apesar de seu pequeno tamanho, Bangladesh é o oitavo país mais populoso do mundo.
  • Embora sua superfície seja semelhante à da Grécia, Bangladesh tem mais população do que toda a Rússia.
  • É um dos países mais densamente povoados do mundo, atrás apenas de cidades estatais e pequenos países como Cingapura e Hong Kong.
  • Por causa do aquecimento global e do aumento dos níveis de água, grande parte do território de Bangladesh corre o risco de ser submerso se os polos derreterem.
  • Uma porcentagem significativa das vítimas do tráfico sexual relatadas nos últimos anos no leste da Ásia e no Pacífico, vem de Bangladesh. A grande maioria são crianças.
  • O animal nacional do Bangladesh é o Tigre-de-bengala. Tem um rugido que pode ser ouvido a até 3 km de distância.

Dados Estatísticos de 2021: Exportação e Importação

Em  2021 (até o mês de Novembro), o Brasil totalizou um valor corrente de negociações no comércio exterior de US$ Milhões 454.996,8. 

Sendo US$ Milhões 256.028,3 de exportações, e US$ Milhões 198.968,5. Gerando um superávit de US$ Milhões 57.059,8.

O produto mais importado no ano de 2021 foi o “Adubos ou Fertilizantes Químicos”.

Quanto ao produto mais exportado no ano foi “Minério de Ferro e seus concentrados” conforme dados do ComexStat.

E aí, gostou deste artigo? Então, inscreva-se em nosso blog e fique por dentro das novidades do comércio exterior.  ?

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Resumo

Sinara Bueno

Despachante Aduaneira, formada em Comércio Exterior e empreendedora. Apaixonada por criar e inovar no Comex! Trabalhou na área de importação e exportação de indústrias, consultorias de comércio exterior e, nos últimos anos, tem se dedicado aos sistemas para comex. É co-founder da Fazcomex Tecnologia para comércio exterior.

Conheça as 7 novidades do Novo Processo de Importação

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade. Conheça nosso Portal da Privacidade e veja a nossa nova Política.